segunda-feira, 7 de julho de 2008

Dia especial! Um ano do casamento civil! 07/07/08_28 semanas


07/07/07
Essa foi a data do nosso casamento civil. Dia muito especial! Sábado lindo de sol, friozinho na medida certa e cheiro de felicidade no ar!
Vendo assim, faz apenas um ano que estamos oficialmente casados. Mas nossa estória é antiga. Cheia de altos e baixos, cheia de romantismo, luta, amor, carinho e superação de obstáculos. Foi fácil ficarmos juntos, mas ao mesmo tempo passamos por muitas coisas difíceis.
Nos conhecemos em 1995. Namoramos juntos, a distância, juntos de novo, tivemos certezas, tivemos dúvidas, vivemos momentos de conto de fada, outros que não merecem nossa lembrança, mas algo sempre nos unia e nos une.
E hoje em dia é assim também. Estamos juntos, estamos bem, mas as dificuldades existem. Não aquelas de antes, mas coisas mais do dia-a-dia, do cansaço, do egoísmo natural do ser humano em determinadas situações, mas o mais importante é que existe a cumplicidade, o amor, o carinho, o arrependimento e a procura de não magoar, e se assim o fazemos, a humildade de reconhecer e pedir desculpas, às vezes imediatas, às vezes com mais tempo.
Não é fácil ser e estar casado, mas é gratificante se estamos com alguém com quem temos uma estória, se estamos com alguém que nos olha nos olhos e procura cultivar essa estória e que entende que altos e baixos sempre existirão. Há muitos obstáculos diários, mas há também muitas conquistas. E a sensação de família que temos vale muito!
Nos conhecemos há 13 anos, moramos juntos há quase 3 anos, temos uma filhinha de quase 2 anos, casamos oficialmente há 1 ano, tivemos nossa festa de sonho há quase 9 meses e estamos esperando outra filhinha há quase 7 meses.
Pela cronologia, percebe-se que essa não foi uma estória convencional, mas nem por isso menos
bela. Ou ao contrário, quem sabe assim ainda mais bela no sentido de beleza acompanhada de uma estória de amor real, perfeita e imperfeita, nossa, caminhada junto, passo a passo, com luta e superação. O destino nos uniu e nos une, mas o carinho e vontade de superar veio dos nossos corações e foi isso que fez com que nossa estória pudesse ter um final feliz e uma busca de felicidade constante. Estamos juntos hoje e queremos estar juntos amanhã. Mas sabemos que muita estória de luta e superação ainda precisarão ser passadas e superadas porque assim é a vida. Não existe perfeição, o que existe é determinação e carinho. O amor é isso!
Felicidade não é eterna, assim como nada é. Cabe a cada um cultivar o que acontece de bom em seu dia-a-dia com carinho, fé e esperança! Porque sempre há algo de bom, mesmo quando não estamos vendo. Haverá dias melhores e outros nem tanto, mas assim é a vida se estamos com alguém ou sozinhos. Mas se estamos com alguém, cabe aos dois não deixar que a cumplicidade, o carinho e o respeito desapareçam sem que se perceba. Isso é amor!
É preciso amar a si próprio, mas é preciso amar o outro na mesma proporção. E é preciso que os dois tenham essa convicção! Porque quando somos uma família, isso é o mais importante: renunciar para multiplicar tudo do mais precioso que necessitamos para viver. E renúncia é algo bom se estamos comprometidos. Só acrescenta! Quem não sabe dividir, não saberá o que é a felicidade real de se ter uma família!
Até hoje, posso dizer que tem valido a pena! O amanhã não nos pertence, mas posso dizer que gostaria que continuasse assim.
Bem, para falar a verdade, queria modificar algumas coisas. Gostaria, e muito, de uma horas a mais de sono e horas livres como antes. A vida seria mais perfeita assim! Mas quem tem filho pequeno, está grávida e quer engravidar de novo depois, só pode estar delirando ao pedir isso! rs
Ultimamente tenho me sentido muito cansada, entediada, com saudade do meu eu pessoa, debilitada no raciocínio lógico por causa do sono, irritada às vezes, mas se me perguntassem, diria com a maior convicção que já tive na vida: não troco isso por nada! Se ter uma família significa passar por essa fase, passo sim! Com sono e cansada sim, mas feliz pelo todo!
E viva todo o tipo de amor!

Nenhum comentário: